Telhado Solar: Como gerar energia em cima de sua casa!

Gerar energia no telhado de sua casa já é possível e bastante acessível. Por isso, neste artigo iremos apresentar sobre os tipos de telhados e as soluções para instalar energia solar em cada um deles.

 

Cada casa possui suas peculiaridades, afinal o projeto arquitetônico depende muito das ideias e inspirações do arquiteto ou do engenheiro, e, claro, do morador.

 

Um ponto também muito diversificado é a cobertura, uma das partes mais importantes de uma casa pois a escolha do modelo do telhado e do tipo de telha é fundamental para compor a arquitetura de toda a casa.

 

Quando se define o modelo de telhado e o tipo de telha  questão estética é sempre levada muito em consideração. Mas é preciso atentar também para sua funcionalidade, como o escoamento da água, a climatização do ambiente e muitas outras questões.

 

Telhado solar: soluções para todos os modelos!

 

Uma questão que não é muito levada em conta é a possibilidade de instalar módulos fotovoltaicos no telhado da casa para gerar energia elétrica. Isso se deve porque a energia solar fotovoltaica é muito recente no Brasil e poucos engenheiros e arquitetos já se atentaram para essa questão.

 

Mas apesar da maioria dos projetos residenciais não serem concebidos já pensando na geração de energia solar, sempre há uma solução para que os módulos sejam fixados com o objetivo de obter o seu melhor rendimento. Por isso, agora vamos apresentar as soluções para cada tipo de telhado.

 

Telhas de Cerâmica

 

As telhas de cerâmica são as mais utilizadas no Brasil, por serem as primeiras a serem introduzidas no nosso país. Esse tipo de telha oferece um excelente isolamento térmico e abrangem vários tipos, como a telha romana, telha americana, telha italiana e telha colonial.

O que difere entre cada tipo de telha de cerâmica é seu formato, mas para a instalação de um sistema fotovoltaico o sistema é basicamente o mesmo.

 

Primeiro, o instalador deve remover as telhas nos pontos pré-definidos, introduzir os ganchos no telhado e fixar os ganchos no caibro com parafusos de madeira.

 

Após fixar os ganchos no caibro, deve-se cobrir os ganchos com as telhas removidas evitando que o gancho faça pressão sobre a telha. Após a instalação do gancho, deve se fixar os trilhos sobre os ganchos instalados e em seguida os módulos fotovoltaicos sobre os trilhos.

 

Telhas de Zinco

 

Já a telha de zinco é menos utilizada em residências, pois traz desconforto devido ao barulho da chuva e à absorção de calor. Porém, esse tipo de telha possui um custo mais baixo e é de fácil instalação.

 

É uma boa opção para telhados embutidos, já que sua aparência não agrega muito ao projeto.

 

Já para instalar um sistema fotovoltaico nesse tipo de telha o processo é diferente. Primeiramente, o instalador deve marcar os pontos de instalação dos ganchos no telhado e usar a ferramenta mais adequada para perfurar a telha. Deve-se inserir entre o gancho e o telhado uma proteção de borracha para evitar infiltração e fixar utilizando parafusos de madeira.

 

Telhas de Concreto

 

As telhas de concreto são mais recentes  no mercado e proporcionam conforto térmico e versatilidade de formas e cores.

 

Ao contrário das telhas de cerâmicas que absorvem um pouco de água, as telhas de concreto são impermeáveis e necessitam uma inclinação mínima entre 30% e 35%.

 

O processo de instalação de um sistema fotovoltaico em um telhado de concreto possui as mesmas características do telhado de cerâmica, onde as telhas deve ser removidas e depois de instalado o gancho, deve ser recolocadas.

 

Telhas de Fibrocimento

 

As telhas de Fibrocimento é o melhor custo/benefício do mercado.

 

São resistentes e leves, por isso precisam de um engradamento de telhado mais simples. Devem ser bem fixadas nas terças para que não tenha problemas com chuvas e ventos.

 

Se por um lado, esse tipo de telha possui um bom custo/benefício para o proprietário da casa, para instalação de um sistema fotovoltaico esse tipo de telha trazem alguns problemas no processo de instalação pois são frágeis e podem quebrar durante o processo. Geralmente elas pedem um sistema de fixação dos painéis independente das telhas.

 

Telhas Metálica

As telhas metálicas são uma excelente opção construtiva. Aliam diversas qualidades essenciais para obras que precisam de baixo custo e velocidade na construção.

 

A cada dia as estruturas metálicas para telhados ganham mais espaço na construção brasileira.

 

Para a instalação de módulos fotovoltaicos são as melhores opções, pois facilitam a fixação e são superfícies seguras para instalação.

 

Cobertura plana

 

A laje plana é a cobertura que fica embutida, escondida atrás do prolongamento da parede da casa ou de muretas nas bordas da laje de cobertura – conhecidas como platibandas. Essa cobertura que fica escondida pode ser de placas de amianto ou de placas de concreto.

A cobertura plana tem a vantagem de lhe oferecer uma série de vantagens e de permitir criar espaços distintos como um jardim, uma piscina ou um terraço para as noites de Verão. Outra opção é instalar os módulos fotovoltaicos nessa cobertura plana.

 

 

As coberturas planas são uma ótima superfície para instalação. O sistema de fixação para as coberturas planas compensa a pouca inclinação do telhado para garantir que os painéis tenham melhor incidência solar.

 

Para fixar os módulos na laje, há três principais alternativas, uma delas é aparafusar a estrutura na laje, colado com colas especiais ou usar lastro e defletor de vento na parte de trás dos módulos fotovoltaicos.

 

Telhado Solar da Tesla   

 

Outra alternativa que já vem sendo desenvolvida por diversas empresas é onde a própria telha gera energia solar. Uma das empresas que já possui esse produto é a Tesla do empreendedor Elon Musk.

O Solar Roof substituiria os telhados convencionais, que além de proteger a residência também geraria energia. Nesse caso, ao contrário do modelo que substitui, atualmente, telhas por módulos solares, é praticamente impossível distinguir um telhado solar de um telhado comum.

 

Outra empresa que também está desenvolvendo telhas solares é a Chinesa Hanergy, que desenvolve películas de filme fino para integrá-las com telhas para que possam gerar energia própria. O Hantile como é conhecido esse produto da Hanergy chega para ser um dos concorrentes do Solar Roof da Tesla.

Independente do seu tipo de telhado, uma coisa é certa: você deve gerar sua própria energia!

 

A energia solar é um excelente investimento. O dinheiro investido retorna em poucos anos com a economia de sua conta de energia, que pode chegar até 95%. Depois do retorno do dinheiro investido tudo que você economizar com a conta de energia será lucro para você aproveitar com sua família.

 

Quer saber mais sobre energia solar? Então baixe nossa Cartilha da Energia Solar e saiba tudo o que você precisa para gerar sua própria energia!

 

Cartilha da energia solar

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *