Energias Alternativas: o que são e quais são suas vantagens

Aumentar o uso de energias alternativas é um desafio importante e atual em todo o mundo. Convenhamos que é praticamente impossível viver sem eletricidade nos dias de hoje, e continuar usando combustíveis fósseis é inviável ambientalmente.

A solução está nas fontes de energias alternativas. Neste texto, nós explicamos, afinal, o que elas são, quais seus tipos, vantagens e também como você pode fazer a sua parte por um planeta de energia mais limpa!

Clique aqui e baixe agora mesmo o Guia do Conforto Térmico: sua família protegida em todas as estações do ano sem aumentar a sua conta de luz!

 

O que são energias alternativas?

Energias alternativas são, basicamente, todas e quaisquer fontes de energias que não fazem uso de combustíveis fósseis. Por isso, são mais limpas e causam um menor impacto ambiental.

Embora, muitas vezes sejam, compreendidas como sinônimas, nem todas as energias alternativas são renováveis.

Existe uma pequena diferença: fontes renováveis são assim caracterizadas por não terem finitude, como, por exemplo, aquelas oriundas do sol e do ar. Fontes alternativas, contudo, podem se esgotar, como é o caso da geotérmica, que veremos no decorrer do texto.

Ou seja, nem toda energia alternativa é renovável, mas toda energia renovável é alternativa!

Tipos de energias alternativas:

  • Oceânica

A energia gerada a partir dos oceanos pode ser obtida tanto em águas profundas quanto rasas. No Brasil, um projeto-piloto foi construído no Ceará no ano de 2012. Estima-se, segundo a USP, que o país tem capacidade para ter até 17% de toda sua capacidade energética oriunda das ondas!

  • Biomassa

A energia de biomassa utiliza materiais orgânicos, como a casca do arroz e da laranja, resíduos alimentares, entre outros, para gerar eletricidade. Sua principal vantagem está em substituir combustíveis fósseis em termelétricas.

A Enerbio Energia, empresa do mesmo grupo da Incentive Solar, projetou e construiu uma usina termelétrica movida à biomassa em São Sepé/RS. Conheça o projeto:

  • Hidrelétrica

As centrais ou usinas hidrelétricas utilizam a força da água para gerar eletricidade. É uma fonte renovável de energia e ambientalmente equilibrada. Sua desvantagem está no impacto que a obra da usina causa no ecossistema local. É, também, a fonte predominante na matriz elétrica nacional, com cerca de 70% de toda energia gerada no país.

  • Hidrogênio

Considerado um combustível perfeito, a energia gerada à base de hidrogênio é abundante, eficiente e não gera gases do efeito estufa. O processo de transformação do hidrogênio em água já é utilizado em alguns carros, mas essa tecnologia ainda é incipiente.

  • Geotérmica

A energia geotérmica se baseia em utilizar o calor do interior terrestre e transformá-lo em eletricidade. Trata-se de uma tecnologia antiga, sendo a primeira usina geotérmica do mundo datada de 1904, ainda que pouco popularizada.

  • Solar

A energia solar é a principal fonte de energia alternativa de uso residencial. Gerada a partir da incidência de luz do sol nas células dos painéis fotovoltaicos, não polui, reduz imediatamente o preço que o consumidor paga de eletricidade em até 95% e tem uma alta taxa de retorno do investimento.

Saiba mais como funciona a energia solar, clicando aqui!

  • Eólica

A energia eólica transforma o vento em eletricidade, é limpa e inesgotável. Sua principal desvantagem é o barulho; por isso, os parques eólicos precisam estar a 200 metros de distância de qualquer residência. No Brasil, existem mais de 500 parques com um total superior a 7000 geradores que produzem energia equivalente para abastecer 26 milhões de residências.

Vantagens das energias alternativas

As fontes alternativas de energia possuem grandes vantagens em relação às fontes tradicionais.

  • Reduz impacto ambiental

A principal vantagem é a ambiental, visto que as fontes alternativas, em sua grande parte, possuem um impacto ambiental bem menor do que as fontes que utilizam combustíveis fósseis.

Mas não é só o meio ambiente que sai ganhando com as energias alternativas! O impacto é sentido diretamente na saúde pública, com a diminuição, principalmente, de doenças respiratórias.

  • Mais econômicas

As fontes alternativas também são mais vantajosas economicamente, visto que, ao contrário das fontes fósseis, que são tipicamente mecanizadas e de capital intensivo, as fontes alternativas utilizam mais mão-de-obra. Isto significa que, em média, mais empregos são criados para cada unidade de eletricidade gerada a partir de fontes alternativas do que de combustíveis fósseis.

Em 2014, o setor de energia eólica gerou 40 mil empregos diretos e indiretos e deve gerar mais 200 mil nos próximos anos, para dar conta de todos os projetos em desenvolvimento. O setor de energia solar fotovoltaica deve movimentar R$ 100 bilhões e gerar por volta de 300 mil empregos nos próximos 15 anos.   

Essa vantagem financeira também pode ser para o seu bolso!

Clique aqui e conheça a história do Félix, nosso cliente que reduziu sua conta de luz em 92% após a instalação de um sistema de energia solar fotovoltaica.

  • Segurança energética

Por fim, investir em energias alternativas também ajuda a dar maior segurança energética. Como apresentado anteriormente, o Brasil apresenta uma grande dependência da fonte hídrica e, em períodos de menor volume de chuva, acaba sendo necessária a utilização de usinas térmicas, encarecendo a energia elétrica para o consumidor final.

Com maior investimento na energia eólica e solar, haverá maior diversificação da matriz elétrica. Assim, em períodos de menor produção de energia hídrica, as demais fontes renováveis podem auxiliar no abastecimento de energia para toda a população.

Como faço minha parte?

A produção de energia é de responsabilidade do Estado e das grandes empresas. O planejamento de uma matriz com mais fontes alternativas é de responsabilidade de nossos governantes, através de incentivos para as fontes que causam menor impacto ao meio ambiente. Mas nós também podemos fazer nossa parte.

Se você também quer contribuir com uma geração mais limpa e renovável, saiba mais sobre a energia solar e a geração distribuída baixando nossa Cartilha da Energia Solar e descubra tudo que você precisa para gerar sua própria energia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *