Como economizar energia: 5 dicas para você aplicar!

A conta de energia costuma ser uma vilã no orçamento de sua casa ou da sua empresa, mas não precisa ser. Preparamos cinco dicas de como economizar energia para você aplicar em seu dia a dia.

Você já reparou que apesar de sempre cuidar para não aumentar seu consumo de energia sua conta parece sempre aumentar?

Isso ocorre porque a tarifa de energia sofre alterações conforme as bandeiras tarifárias vigentes naquele mês.

Conta de luz: entenda os valores que você paga

Além disso, todos os anos ocorre um reajuste tarifário da concessionária, e a cada quatro temos uma revisão tarifária. Normalmente esse reajuste aumenta a tarifa que você já paga, e na revisão tarifária o aumento é ainda maior.

Porém, há algumas dicas simples que podem auxiliar a você gastar menos e aqui mostraremos como economizar energia.

1. Como economizar energia de forma simples: desplugue equipamentos da tomada

Ter tudo conectado na tomada é muito prático, mas saiba que os aparelhos ligados na tomada, mesmo que desligados, consomem energia. Por isso é importante sempre que possível desplugar os equipamentos da tomada.

Na sua casa, verifique tudo que não precisa estar ligado na tomada o tempo todo e deixe desplugado. Quando for usar aquele aparelho elétrico, você pode ligá-lo na tomada.

Eu sei que a praticidade de já deixar tudo ligado na tomada facilita muito nossa vida, mas se você ver o quanto você está perdendo dinheiro ao fazer isso você mudará de ideia.

No seu trabalho, sempre que for sair desconecte tudo que for possível da tomada. Pode parecer que essa ação não possui tanto efeito, mas no fim do mês você vai ver a diferença que essa simples ação irá fazer.

2. Use o ar-condicionado apenas quando for realmente necessário

O ar-condicionado é uma das maiores invenções da humanidade. Mas como tudo que é muito bom tem seu preço, o ar-condicionado também apresenta uma conta bem cara.

Apesar do conforto térmico que o ar-condicionado nos traz nos meses de verão, devemos cuidar para não usá-lo em excesso.

Tente deixar as janelas de sua casa ou de seu local de trabalho abertas para deixar o ar entrar e deixar o ambiente mais confortável. 

Se possível, utilize o bom e velho ventilador. Mas caso o uso de ar-condicionado seja indispensável, use com moderação e em uma temperatura não muito baixa. Assim ele não irá consumir tanta energia.

3. Cuidado com o uso de torneiras e chuveiros elétricos

As torneiras e chuveiros elétricos também costumam ser um vilão nas contas de energia. Porém, sabemos que tomar banho frio nos meses de inverno é complicado.

Mas nos meses de verão podemos deixar as torneiras e chuveiros elétricos desligados e só deixá-los ligados nos meses de inverno.

E claro, nos meses de inverno tentar não deixá-los em uma temperatura tão alta e não utilizar por muito tempo. Quanto mais tempo você utilizar esses equipamentos, mais caro ficará sua conta no final do mês.

4. Utilize equipamentos e eletrodomésticos mais eficientes

Outra dica é buscar utilizar equipamentos e eletrodomésticos mais modernos e eficientes. Todos os aparelhos elétricos trazem informações sobre sua eficiência energética. Fique atento a essas informações.

Essa dica requer a necessidade de investimento, mas não precisa sair trocando todos seus equipamentos elétricos de sua casa ou empresa.

Mas quando você for substituir seus aparelhos, leve em consideração a eficiência energética dos equipamentos elétricos que você irá comprar.

Uma troca mais simples é das lâmpadas tradicionais por LEDs. Essas lâmpadas costumam ser mais caras, mas esse investimento retorna em pouco tempo com a economia que você irá obter.

5. Como economizar energia ainda mais: gere sua própria energia

Mas se você quer realmente economizar energia, uma ótima alternativa é gerar sua própria energia através de um sistema solar fotovoltaico.

Com energia solar em sua casa ou empresa você poderá obter uma economia de até 95% de sua conta de energia.

Sistema Cidrelar - Economia de energia
Sistema instalado pela Incentive Solar para economizar energia de nosso cliente!

Isso porque se você gerar toda a energia que você consome, terá que pagar apenas a tarifa mínima da sua concessionária de energia.

Se você não possui capital para realizar esse investimento no momento, você poderá buscar por linhas de financiamento oferecidas por instituições financeiras.

Financiamento de Energia Solar: Veja qual a melhor opção para você

Com as taxas de juros oferecidas pelo mercado, já é possível pagar o valor que você paga hoje na sua conta de luz na parcela do financiamento.

Ou seja, você para de pagar a conta de energia e passa a pagar o mesmo valor ou um pouco mais na parcela do financiamento. Após terminar de pagar o financiamento você estará livre do valor integral da conta de luz e de seu financiamento.

Ficou interessado em gerar sua própria energia? Saiba mais sobre essa possibilidade baixando nossa Cartilha da Energia Solar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *